Botao share

quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Recado do Delúbio

Companheiros e Companheiras                                   
O momento político no Brasil é de uma grandeza única, após manobras políticas e judiciais, os golpistas cassaram uma presidenta legitimamente eleita pelo povo brasileiro e não pararam por aí. Mas dia após dia o povo dá provas de que sabe que é ele o dono de seu destino.

Apesar de toda a manipulação, dos fatos distorcidos, dos julgamentos de exceção, das condenações sem provas, das denúncias sem evidências, do atropelamento das leis, apesar de todo esse esforço para aniquilar os partidos de esquerda e em especial o PT e suas lideranças, o povo diariamente mostra que não esquece de quando ele mesmo ditou os rumos do nosso país. Mas os golpistas, como vocês sabem bem, não podem aceitar que os rumos do Brasil sejam diferentes dos planos determinados por eles. Como sempre havia sido, até que o governo popular de Lula devolvesse o país a quem o constrói: os trabalhadores, os pobres, as minorias e os excluídos.

Nesse momento, companheiros e companheiras, é fundamental lembrarmos de cada etapa deste golpe, cada vez mais desavergonhado e escancarado. Primeiro, sufocaram a democracia e jogaram no lixo mais de 54 milhões de votos. Depois, investigaram cada centímetro da vida de Lula. Não encontraram nada. Mesmo assim Lula foi condenado. Sem nenhuma prova, com base na enésima versão da história de um delator.  Colocaram o maior líder popular deste país na cadeia sem indicar nenhum crime.

Mas nossa voz de luta continuou ativa, Lula continuou crescendo e decidiram, mais uma vez, dar um nó na lei para impedir que Lula fosse candidato. O povo resistiu, o mundo todo denunciou, a ONU determinou que Lula fosse candidato. Mesmo assim, os golpistas foram em frente. Fizeram mais, proibiram que disséssemos que nosso candidato era o Lula. Mas ele continuou subindo. E nós prosseguimos. Então o voto em Lula se tornou o voto em Haddad 13 e eles proibiram que falássemos que Lula é Haddad 13. Mesmo assim, Haddad 13 cresceu. Cresceu porque nós não desistimos. Quem é de luta, luta e conquista.

Esse golpe, tramado em gabinetes, armado por quem continua pensando que o Brasil é sua propriedade, tem uma grande falha. Um defeito, aliás, que estes golpistas passaram a vida toda fazendo: decidir sem consultar o povo. Acontece que o povo é Lula. E Lula é Haddad 13. Mais uma vez, o destino do nosso país depende da nossa força, da nossa voz, da nossa militância.

Sigo, aqui da prisão em Curitiba, que se tornou a minha trincheira, de cabeça erguida, com a mesma garra e vontade do jovem professor que nos anos 70  iniciava sua militância em Goiás. E é daqui que conclamo a todos os militantes, simpatizantes, eleitores do PT, partidos de esquerda a marchar junto com Lula e Haddad 13, para que nossa pátria amada seja de todos os brasileiros. Uma pátria solidária, sem fome, com emprego e soberania. Em 7 de outubro quando cessar a sessão do tribunal do povo, às 17 horas, estaremos nas ruas, em passeatas e carreatas, com bandeiras vermelhas e brancas, que representam o futuro de uma nação vitoriosa. Pois só o povo pode definir seu futuro.

Lula Inocente!
Lula Livre!
Lula é Haddad 13!

Um abraço do sempre companheiro,
Delúbio Soares.