Botao share

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Leilão da BR 163: Mais um suceso do governo federal

Terminou a pouco o leilão da concessão da rodovia BR 163 ligando o Mato Grosso ao porto de Santarém, no Pará. O resultado foi um sucesso absoluto. A tarifa apresentada pelo governo, que era no valor médio de R$ 5,00 por 100 quilômetros rodados, alcançou um ágio de 62% vencido por uma construtora de grande porte. Esta é mais uma prova de que as concessões do governo federal, em comparação às concessões feitas pelos governos tucanos em São Paulo, tem uma diferença sem limites. Enquanto em São Paulo a tarifa de pedágio mais baixa está em torno de R$ 8,00 por 30 quilômetros rodados, esta concessão consegue uma tarifa de R$ 2,63. Esta é mais uma prova cabal de que o governo federal prioriza o avanço da infraestrutura, mas valoriza consumidores e produtores. Esta rodovia é de uma importância fundamental para a região, que é conhecida como a "rota da soja" e de vários outros produtos, inclusive transporte de gado. O que vinha para o porto de Santos agora será escoada pelo porto de Santarém, no Pará. Este é um exemplo cabal e irrefutável da diferença entre as administrações do PT e dos tucanos.

http://noticias.uol.com.br/cotidiano/ultimas-noticias/2013/11/27/odebrecht-vence-leilao-da-br-163-a-rota-da-soja-em-mt.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário