Botao share

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

PT conseguiu renovar, afirma Jefferson Lima


Image
Jefferson Lima

Foi positivo o balanço das urnas para os jovens candidatos petistas neste ano. A avaliação é de Jefferson Lima, Secretário Nacional da Juventude do PT (JPT), que frisa duas importantes vitórias: a eleição de 16 prefeitos de até 29 anos, fortemente ligados à pauta da juventude no partido; e o aumento expressivo do número de vereadores jovens eleitos pelo PT em todo o país.

“Nós elegemos agora 16 prefeitos jovens. Na eleição anterior foram 9. E também quase dobramos o número dos vereadores neste ano”, comemora Jefferson. Uma vitória, segundo ele, afinal são lideranças que mantêm muita proximidade com as políticas defendidas pela JPT.

“São quadros conscientes do seu papel enquanto membros do legislativo e do executivo e comprometidos com essas bandeiras – a construção do trabalho decente, da educação integral, da expansão da universidade”, aponta Jefferson. Ele pondera, também, que a vitória desses quadros é fundamental para que as políticas da juventude possam chegar na base da sociedade.

“Qual nossa maior dificuldade? Nós temos um governo federal que está muito bem nas políticas de juventude, mas os municípios não conseguem implementá-las. No máximo o Pró-Jovem e olhe lá. Precisamos de programas municipais voltados à juventude, da criação de um órgão gestor do município voltado para isso. Com esta renovação, isso será possível”, explica.

Desafios pela frente

Jefferson conta, ainda, que o PT elegeu a vereadora mais jovem do país, Gislaine Ziliotto, em Ipê no Rio Grande do Sul. Gislaine foi a mais votada da cidade entre os 33 candidatos que disputavam a eleição e completará 18 anos (idade mínima exigida para assumir o cargo) no dia da posse, 1º de janeiro de 2013.

O líder da JPT ressalta que esta eleição fez com que a direção nacional do partido tivesse um olhar diferenciado para a juventude petista. Pontua, ainda, que a JPT conseguiu fortalecer as demais candidaturas do PT. “Houve todo um trabalho da direção da JPT nos dois turnos, realizado em sintonia com a direção do partido”.

Agora, após as eleições, afirma Jefferson, começa um novo desafio para os jovens petistas: ocupar os 20% de participação nas instâncias de direção partidária a partir do próximo Processo de Eleição Direta (PED), programado para o próximo ano.

“Nós vamos cumprir a meta dos 20%, com qualidade, com companheiros e companheiras que têm identidade com a juventude e compromisso com a renovação do partido para que possamos oxigená-lo com novas ideias e novos repertórios”.

O recado dos números...

Dados do Grupo de Assessoramento Eleitoral do GTE apontam que foram eleitos 16 jovens prefeitos pelo PT (com até 29 anos) de um total de 50 candidatos nesta faixa etária. O PT lançou, também, 3.855 candidatos jovens a vereador e conseguiu eleger 338 (8,8%). Já do total de vereadores do PT eleitos, de todas as faixas etárias (5.185), os jovens eleitos representam 6,5%.

Os Estados que mais elegeram jovens petistas foram Minas Gerais (63), Bahia (48) e São Paulo (39). Na proporção entre o número de candidatos jovens eleitos e os que disputaram pelo partido, o Acre obteve 19% (8 eleitos entre 41 candidatos jovens); o Piauí, 17,9% (19 entre 106); e Alagoas, 15% (5 entre 51).

Confiram também a análise de Leopoldo Vieira, membro da direção da JPT (clique aqui), sobre o que considera a “maior participação eleitoral em termos de candidaturas da história da juventude do PT".

Parabéns aos jovens petistas. É um orgulho para o PT ter tantos candidatos jovens disputando eleições, interessados em participar da política, em construir um país que se desenvolve, em que todos possam viver com dignidade, sem miséria de sem pobreza. Abraços do Zé a todos e a todas pela vitória espetacular.

(Foto: Richard Casas/PT)

Nenhum comentário:

Postar um comentário