Botao share

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

A vitória em 3 de outubro está em nossas mãos

O Datafolha divulgado ontem pelo Jornal Nacional – e amplificado hoje em toda mídia – mostra que as alterações nos índices dos principais candidatos estão rigorosamente dentro da margem de erro: Dilma caiu dois pontos, Serra subiu um e Marina subiu dois.

O que me preocupa não é o resultado em si, mas a interpretação distorcida que a grande imprensa faz dos números, transformando uma variação estatística numa “tendência de queda”.

Não tenho dúvida de que eles usarão as próximas pesquisas para “confirmar” a suposta tendência. Nossa tarefa, portanto, é trabalhar redobrado para impedir que, daqui até a eleição, a direita consiga criar um clima de empate técnico entre Dilma e os demais, na tentativa desesperada de provocar o segundo turno.

Todos nós já sabíamos que os senhores da Casa Grande não entregariam os pontos com facilidade, que tentariam ganhar na base do tapetão, do golpe baixo e da manipulação.

Faltando nove dias para as eleições, chegamos a um momento decisivo. As forças do atraso se assanham, nos atacam com argumentos idênticos aos usados pelos golpistas de 1964 e usam táticas fascistas para espalhar a calúnia, a infâmia e a difamação.

Não cabem ilusões: a guerra foi declarada.

Agora é hora da mobilização total. Militantes, dirigentes, candidatos do partido, além de aliados, movimentos sociais e simpatizantes, devem ocupar as ruas em todos os Estados, em cada cidade deste país.

Vamos fazer o enfrentamento político, rebatendo os ataques da oposição e reafirmando nosso compromisso com as conquistas e bandeiras históricas do povo brasileiro, tendo como preceito fundamental a democracia.

Vamos vencer essa guerra com a força da nossa militância, os méritos de nossa candidata e o sucesso de nosso projeto de país, incomparavelmente melhor, mais inclusivo e mais democrático do que o deles.

A vitória no dia 3 de outubro está em nossas mãos. Todos e todas à luta!

Nenhum comentário:

Postar um comentário