Botao share

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Promotor concorda com pedido do PT pela instalação de inquérito contra Serra

O promotor Silvio Hiroshi Oyama, da 259ª Zona Eleitoral de São Paulo, encaminhou à Justiça Eleitoral pedido do PT pela abertura de inquérito contra o presidenciável tucano José Serra.

O PT afirma que teve a honra agredida por Serra quando ele afirmou, no dia 26 de agosto, que o partido foi responsável pela quebra do sigilo fiscal do vice-presidente do PSDB, Eduardo Jorge Caldas.

Com o pedido do promotor, a ação vai para a Justiça Eleitoral que irá decidir se abre o inquérito. Para Oyama, o candidato deve ser convidado a depor durante a investigação para confirmar as declarações.

O pedido foi protocolado na zona eleitoral do bairro da Saúde, zona sul de São Paulo, porque a declaração do presidenciável foi feita em um evento na região.

No encontro, Serra disse que "o pessoal do PT faz espionagem". Ele também acusou o partido de "jogo sujo" e de fazer "chantagem".

A assessoria de Serra afirma que não irá se pronunciar sobre o caso no momento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário